Seguidores

quinta-feira, 3 de março de 2011

Princípios do Caminho - Sinceridade



6. Sinceridade: vivendo a verdade interior, sem máscaras. As antigas máscaras teatrais eram feitas de cera, e uma apresentação sem máscara, sin-cera, era um desafio para os atores: todos poderiam perceber seus reais sentimentos, avaliar suas expressões. No palco da existência humana, o guerreiro do caminho atua com coerência, sem disfarces. Ele não pode ser acusado de falsidade. Por não possuir vaidades, abre mão do desejo leviano de fazer as coisas para agradar as pessoas. O que o guerreiro é na sua vida íntima, é na vida pública. Falar, agir, reagir são atitudes em equilíbrio e coerentes entre si, decorrentes de um processo de disciplina.

Seu lema: seja simples como as pombas, prudente como as serpentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário